Marcar consultas em plano de saúde é problema para 72% das pessoas

argaiv1022

Levantamento realizado pelo Idec (Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor) mostra que 72% dos usuários de planos de saúde enfrentam dificuldade para marcar consultas. Destes, 28,6% relataram problemas apenas com consultas e 47,6%, com consultas associadas a outros procedimentos.

Em geral, os consumidores têm de esperar pelo menos um mês para conseguir uma consulta ou exame.  Mas existem situações piores, como a de um usuário que precisou esperar seis meses para conseguir ser atendido por um cardiologista.

Segundo o Idec, esses números mostram que é necessário uma presença maior da ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar).

Para o instituto, a ANS deveria criar regras e fixar prazos mínimos para garantir que os usuários sejam atendidos em um tempo adequado.

O Idec afirma que a explicação de tantos problemas está na rede credenciada insuficiente e na burocracia das operadoras, que dificultam o acesso aos procedimentos.

Também critica o atendimento diferenciado entre os pacientes conveniados a um plano e os que pagam a consulta. O Idec ouviu 616 pessoas entre 5 e 31 de julho. Destas, apenas 12% relataram não ter problema nenhum com o plano.

Fonte: http://www.band.com.br/jornalismo/economia/conteudo.asp?ID=100000351061

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar